SEO: Como usar as palavras-chave para melhorar a autoridade de link

As palavras-chave têm o poder de alterar seu desempenho de pesquisa, mas não da maneira como você imaginava. A importância dos dados de palavras-chave vai além das tags de título e cabeçalhos em uma página. Pense nas palavras-chave como uma reserva de oportunidades para aumentar sua autoridade de links por meio da criação e promoção de conteúdo.

A autoridade de link é um dos influenciadores mais críticos de como um site é classificado. É a agregação de todos os links que o seu site recebe dos outros. Cada um desses outros sites tem alguma quantidade de autoridade de link. Quando eles se conectam ao seu site, é um voto de confiança que indica que seu site tem algum valor ou autoridade que vale a pena vincular em um determinado tópico.

Os mecanismos de pesquisa usam então esse voto de confiança para determinar como sua autoridade – ou a dignidade de classificar – se compara a outros sites em cada consulta.

Então, como as palavras-chave aumentam a autoridade do link? Eles indicam o conteúdo que você precisa criar para convencer outros proprietários de sites de que seu site é digno de ser vinculado, o que, por sua vez, transmite dignidade de classificação.

Dados de palavras-chave
Tudo começa com os dados. Os dados de palavras-chave ajudam você a entender seus clientes e clientes em potencial – o que eles querem e precisam. Quando eles inserem uma consulta na barra de pesquisa, eles expressam o desejo de aprender alguma coisa ou comprar algo.

Você pode usar essas informações de forma agregada para informar a estratégia geral de conteúdo, bem como peças individuais.

Estratégia de Conteúdo
Com os dados da palavra-chave firmemente à mão, você pode entender melhor os tipos de informações que os pesquisadores desejam e sua intenção por trás desse desejo.

Além disso, você saberá quais desejos geram a maior demanda de pesquisa. Quanto mais pessoas pesquisam um tópico, mais valioso se torna para você segmentar em seu conteúdo.

Por exemplo, digamos que você venda cestas de presentes. Os dados de palavras-chave informariam se as pessoas desejam cestas de frutas e cestas de vinho em maior número do que as cestas de chocolate. Ele também pode dizer-lhe os destinatários do presente popular (como homens e presentes do negócio) e ocasiões de presentear populares (como o Natal e aniversários).

Com base nessas informações, combinadas com os dados de pesquisa orgânica atuais e seu conhecimento sobre quais produtos são mais lucrativos, você pode montar uma estratégia de conteúdo e um roteiro.

Peças Individuais
Em seguida, com a estratégia em vigor, desenvolva um calendário editorial de conteúdo individual.

“Conteúdo” neste contexto significa qualquer coisa que você coloque em uma página da web que atenda ao desejo e à intenção do consumidor. Isso pode ser um teste, um guia de compras, um guia prático, um vídeo, uma ilustração ou um artigo de formato longo.

Não se refere a páginas cheias de palavras-chave apenas para atrair mecanismos de busca. Se o seu conteúdo não envolver os consumidores, eles não serão compartilhados e vinculados a ele. Isso acaba com a meta de otimização do mecanismo de pesquisa de criar o conteúdo em primeiro lugar.

Colaboração
Mas não é suficiente fazer a pesquisa e entregar ideias aos designers e desenvolvedores para implementar. A colaboração criativa é essencial para garantir que o conteúdo direcione o valor da pesquisa natural quando for publicado.

Existem diretrizes para o conteúdo, independentemente do formulário, que geram mais valor para o SEO.

  • Inclua conteúdo textual. Se o seu conteúdo estiver em um formato que os mecanismos de pesquisa tenham indexação de problemas, como um questionário, um vídeo ou uma imagem, inclua também um título textual e um resumo na página. Esta vontade de transmitir relevância contextual para os motores de busca, para combinar o seu conteúdo com pesquisas relevantes.
  • Uma página, um pedaço de conteúdo. Alguns conteúdos, como vídeos e perguntas frequentes, tendem a ser agregados em uma única página. Isso torna difícil transmitir a relevância específica de qualquer peça. Se cada vídeo, por exemplo, contiver informações exclusivas, algo que os consumidores pesquisariam, coloque-o em uma página separada para esse tema de palavra-chave específico.
  • Anfitrião no seu domínio de comércio eletrónico. O objetivo é incentivar as pessoas a se conectarem ao seu site. Se você usar outro domínio para o conteúdo que está criando, os links serão acumulados para ele, não para o domínio para o qual você deseja aumentar a autoridade do link.
    Não use conteúdo distribuído. Conteúdo exclusivo é fundamental para o sucesso. Não distribua conteúdo de outros sites. O conteúdo distribuído geralmente contém canônicos que indicam a autoridade do link para os sites de origem, não os seus.

Divulgue
Seu conteúdo não ganhará mais autoridade de links se ninguém os visualizar ou se vincular a ele.

Promova o conteúdo através de relações públicas, publicações sociais, email e outros canais.

Por exemplo, os analistas de mídia social podem compartilhar um vídeo ou uma imagem. Mas envolver pessoas no Facebook não resulta em links para seu próprio site. Compartilhar algo no Facebook que produz um clique no seu site pode resultar em compartilhamentos e links para esse conteúdo. E, embora os compartilhamentos do Facebook não afetem diretamente as classificações de pesquisa, eles ampliam a distribuição desse conteúdo para outras pessoas que podem se vincular.

Relações públicas também podem influenciar links para o site. Parte de obter links está pedindo por eles. Alguns sites de mídia não vinculam diretamente às entidades que relatam. Mas outros fazem. Treine sua equipe de relações públicas sobre como solicitar esse link e o que vincular. E certifique-se de que vale a pena vincular seu conteúdo – não apenas um press release.

Está precisando de uma analise do SEO do seu site? Solicite aqui

Quais as profissões com destaque em 2019?

Para aqueles que escolheram 2019 para novos ares, conheça as profissões com destaque. As dicas foram listadas considerando a crescente demanda do mercado. A lista também conta com dicas do CEO do Centro Europeu, primeira escola de Economia Criativa do Brasil, Ronaldo Cavalheri, que indica os segmentos que estarão em alta para quem pretende mudar de área ou apostar em novos negócios. Já as previsões salariais foram traçadas a partir de informações obtidas no site do Educa Mais Brasil, maior programa de inclusão educacional do país. Nele, é possível ainda obter mais informações sobre as profissões, assim como bolsa de estudo para quem deseja se especializar nos segmentos citados.

Analista de SEO
As empresas estão cada vez mais preocupadas em como os seus nomes aparecem em buscadores digitais, como o gigante Google. O profissional aplica as técnicas de SEO (Search Engine Optimization) para otimizar as páginas da internet de modo a conquistar um alto nível de ranqueamento nos motores de busca. O Analista de SEO também atua em empresas de marketing e consultoria, com salário médio de R$ 5 mil a R$ 10 mil.

Analista de Mídias Digitais
O mundo digital trouxe novos comportamentos de mercado e as redes sociais se tornaram o grande canal de relacionamento com os clientes. Segundo Ronaldo Cavalheri, independente se uma empresa é pequena ou grande ela precisa se comunicar adequadamente com seu público. “É preciso gerar engajamento, pois isto é o que impacta diretamente nos resultados de vendas. Os profissionais que trouxerem essa expertise para 2019 terão muito espaço para agregar valor nas empresas”, afirma.
Profissionais graduados no curso de Marketing, Comunicação Social ou Publicidade e Propaganda podem atuar como Analista de Mídias Digitais e promover o relacionamento entre as empresas e os clientes nos ambientes das redes sociais. A profissão está entre as carreiras promissoras por ser cada vez mais importante para as empresas que buscam atrair novos públicos, engajar os clientes e promover os seus produtos e serviços online. O salário pode chegar a R$ 5 mil.

Business Intelligence
Business Intelligence é a área responsável por coletar, organizar, analisar e utilizar os dados para a tomada de decisões. O analista de business intelligence é responsável por reunir dados sobre tudo o que impacta o negócio e apresentá-los aos líderes para embasar as suas decisões. O salário pode variar entre R$ 5 e 15 mil, dependendo da qualificação do profissional e do porte da empresa.

Cientista de Dados
Não há dúvidas de que vivemos na era da informação. O volume de dados é absurdo e para que as empresas consigam definir estratégias mais assertivas é necessária uma análise adequada de toda essa informação. “Os profissionais de dados serão cada dia mais requisitados para ajudar as empresas a resolverem problemas e a entender comportamentos e tendências de mercado. Para 2019 o foco será em indicadores, que são dados organizados”, explica o especialista.
Graduados no curso Ciência de Dados estão no ranking das profissões em alta, com salários que podem chegar a R$ 15 mil. Com a quantidade de informações que podem ser extraídos online, as empresas precisam de um profissional capaz de organizar e gerenciar a base de dados. O cientista de dados tem sido requisitado para auxiliar as organizações na aplicação de estratégias de negócios eficientes.

Analista Contábil
O Analista Contábil possui as habilidades e formação necessárias para avaliar, organizar e controlar as finanças empresariais, sendo fundamental para o cumprimento das metas e objetivos da organização. Atuam nessa área graduados no curso de Ciências Contábeis. O salário pode chegar a R$ 12 mil.

Gestão Financeira
O grande desafio das empresas é fechar seus resultados com lucro. Segundo o especialista, o papel do gestor financeiro não perde seu espaço em 2019, e ao contrário será ainda mais demandado. O profissional com visão de otimização de custos e orientação para resultados está sendo disputado no mercado. “Grande destaque para o profissional dessa área que tem poder de engajamento da equipe e consegue criar uma cultura de negócio sustentável em toda a empresa”, comenta o especialista.

Diretor Financeiro
O Diretor Financeiro é responsável por analisar o mercado, propor novas estratégias a partir das informações apresentadas por outros setores, além de elaborar o planejamento financeiro das organizações. O profissional dessa área pode ser formado em Economia, Administração ou Ciências Contábeis, além de possuir especializações nesses segmentos.

Gerontólogo e Geriatra
Gerontologia e Geriatria são profissões para quem deseja trabalhar com idosos. Elas aparecem na lista das áreas promissoras devido às previsões do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) da população idosa chegar a superar o número de jovens no país até o ano de 2030. Esses profissionais promovem a saúde e bem estar da população com idade mais avançada.

Mercado de Experiências
A regra para 2019 é gerar experiências positivas e inesquecíveis para os seus clientes. Para o especialista, o momento é ideal para os profissionais ligados a hospitalidade, eventos e relacionamento direto com os clientes. “Os profissionais destas áreas terão um mercado inesgotável para explorar, com a missão de entregar o intangível que agrega valor em torno do produto ou serviço que é fornecido”, declara Ronaldo. Já no meio digital o profissional de Experiência do Usuário (UX) ganha destaque. “A missão de proporcionar em todos os canais de contato com o cliente uma boa navegabilidade, usabilidade, acessibilidade e funcionalidade”, garante.

Gastronomia
Exemplo de mercado que mesmo com a crise usou a criatividade para oferecer serviços diferenciados e de qualidade, o setor de gastronomia segue forte com esse movimento para 2019. Para Ronaldo Cavalheri, a aposta é para áreas como cervejaria artesanal, cozinha saudável e serviços de personal chef que são cada vez mais apreciados pelo público. “Soluções em alimentos e bebidas com nicho de produtos para públicos específicos também tendem a ganhar mais espaço considerando sempre a inovação e a identificação com quem consome e a experiência no seu entorno”, acrescenta.

Design de Soluções
A vida moderna imprime uma rotina acelerada e as empresas precisam pensar em soluções que facilitem o dia a dia dos seus clientes. “E para atender estas necessidades entra o design, em suas diferentes ramificações, com a missão de criar soluções cada vez mais funcionais, sustentáveis e com propósito”, afirma Ronaldo. O especialista ainda garante que o destaque do segmento para o próximo ano está na moda autoral que imprime personalidade e exclusividade nas suas peças. Já na linha de design de produtos e de interiores, a preocupação é em trazer soluções que proporcionem o bem-estar e a melhor produtividade das pessoas.

Consultoria de Imagem
“Para 2019 segue valendo o ditado de que a primeira impressão é a que fica, e para isso é importante cuidar da imagem pessoal para passar uma mensagem positiva”, assegura Ronaldo Cavelheri. A consultoria de imagem é uma área que ainda não é muito conhecida, mas que está ganhando seu espaço pelo valor que entrega aos seus clientes, além de ter impacto direto na autoestima das pessoas, ajudando a aflorar o que elas têm de melhor e as ajudando para uma melhor performance profissional.

Digital Influencer
O boca a boca ganhou maiores proporções através das redes sociais. São pessoas que se destacam na grande rede e formam milhares de seguidores ditando estilo de vida e sendo embaixadores de marcas e produtos. O especialista aposta no crescimento de micro influenciadores para 2019. “ Muitas vezes os micro influenciadores não acumulam um número gigantesco de fãs, mas possuem um grande engajamento com um perfil de público muito específico, o que desperta o interesse de marcas e empresas”, explica.

Produção Audiovisual
Para 2019 é esperado que mais de 80% do tráfego de dados da internet seja de vídeos. O audiovisual é uma das áreas que mais cresce no mundo abrindo um campo para profissionais atuarem em diferentes frentes, desde as grandes produções de cinema até orçamentos menores de conteúdos para redes sociais. É comprovado que vídeos geram mais engajamento e as empresas precisam se preocupar cada vez mais com a qualidade do material que estão entregando para os seus clientes.

Gestão de Pessoas
“As empresas são feitas de pessoas e cabe ao gestor de pessoas montar um time vencedor e acompanhá-lo no dia a dia rumo as metas da empresa.” A responsabilidade e importância deste segmento fará com que o profissional da área tenha destaque em 2019. “ Criar nas pessoas o sentimento de pertencimento e de orgulho em fazer parte da empresa na qual trabalha, pois esse é o diferencial para ter uma equipe engajada e com foco no cliente”, completa Ronaldo Cavalheri.

Fontes:
EM
Ecommerce News



Como melhorar as vendas do seu ebook Kindle na Amazon.com?

Quer melhorar o posicionamento dos seus livros Kindle na Amazon.com? Saiba como divulgar o seu ebook de forma eficiente.

Você trabalhou para escrever o seu ebook, mas tem dificuldade de divulgar e vender os seus livros?

Nesse check-list, você terá informações importantes para melhorar o posicionamento dos seu livros.

1 – Não faça divulgação em comunidades de literatura no Facebook. Parece contraditório não divulgar em grupos de literatura, porém a maioria dos membros são outros autores que também buscam fazer divulgação. Atualmente você terá poucos resultados divulgando no Facebook.

2 – Crie redes sociais exclusivas para o seu ebook. Criar perfis no Twitter e Instagram vai atrair o público específico do seu livro. Tenha metas de divulgações diárias. Publique imagens relacionadas e trechos da sua obra para estimular curiosidade dos seu leitores. Não esqueça de publicar o link do seu livre como endereço web nas biografias das redes sociais.

3 – Você já comprou o livro pela capa? Seus leitores também! A maioria dos aparelhos do Kindle são em preto e branco. Ou seja, antes de publicar o seu livre, faça um teste de como a sua capa é vista em preto e branco. Alguns títulos e imagens se confundem, então não esqueça de verificar como a sua arte será vista pela maiorias dos usuários.

4 – Escolha as palavras chaves corretamente. Tem autor que nem utiliza as palavras chaves no momento da configuração do ebook. Se o seu livro é em português, utilize palavras somente em português.

5 – O Google indexa a descrição do seu livro. Tome cuidado para não dar spoiler, mas dê ao futuro leitor maiores informações sobre a sua obra de forma clara e precisa.

6 – Além de ter redes sociais da sua obra, faça um site ou serviços gratuitos como o www.blogger.com ou www.wordpress.com. Crie postagens conforme a sua disponibilidade e não esqueça de colocar o link do seu livro.

7 – Disponibilize o seu livro gratuito. A cada 3 meses no KDP Select, você pode deixar o seu livro por 5 dias gratuitos.

Siga todas essas dicas e tenha sucesso com o seu ebook. Em caso de dúvidas, entre em contato.

Como criar backlinks com o WordPress?

Conseguir backlinks de qualidade para o seu site é uma das tarefas mais complexas que existe. Nessa postagem eu vou apresentar uma maneira fantástica de você conseguir os backlinks tão esperados.

A dica vai para os desenvolvedores de temas para o wordpress, que em sua maioria criam temas para clientes e projetos específicos, e como as criações são originais, inserem o link de créditos, como por exemplo: “Desenvolvido por” ou “Criado por”. E automaticamente após a indexação já ganha um backlink.

Mas o objetivo não será criar centenas de temas para diversos clientes, e sim um único tema, para que seja oferecido para download gratuitamente através do www.wordpress.org.

Em 2018 disponibilizei o tema Marte, e em menos de 30 dias bati a meta de backlinks. Então se você tem experiência como desenvolvedor de temas, comece agora mesmo a criar um exclusivo para essa finalidade.

RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
https://www.miguelsantiago.com.br/category/blog">
Twitter